quinta-feira, 30 de outubro de 2008

capitulo três de FRUTOS DO ESPIRITO!!!você a videira verdadeira!!!

ESTUDO SOBRE FRUTOS DO ESPIRITO

CAPÍTULO TRÊS (VOCÊ A VIDEIRA VERDADEIRA)



REVISÃO DO CAPITULO ANTERIOR.



Falamos a cerca do que é espírito, corpo e alma.

Falamos a cerca de caráter e como ter o caráter de Cristo.

Falamos que estes frutos amadurecem com o tempo.

Todas as criações do Senhor cresceram, frutificaram e multiplicaram-se, tendo um tempo determinado para isto.

Falamos de uma busca desenfreada atrás de conhecimentos e aprendizados, pois nunca é tarde para se conquistar o que se deseja.

Falou-se a cerca de não nos deixar contaminar.

Soubemos que o espírito trás discernimento.

Vendo a historia de Daniel vemos claramente o que Deus determinou na vida dele, pois diante de sua atitude Deus derramou sobre sua vida espírito de conhecimento e sabedoria.

(Daniel 1:17) - Quanto a estes quatro jovens, Deus lhes deu o conhecimento e a inteligência em todas as letras, e sabedoria; mas a Daniel deu entendimento em toda a visão e sonhos.

Testificamos lá o livro de corintios quando o apostolo Paulo nos fala que:

(II Corintios 4:13) - E temos, portanto, o mesmo espírito de fé, como está escrito: Cri, por isso falei; nós cremos também, por isso também falamos.
(II Corintios 4:14) - Sabendo que o que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará também por Jesus, e nos apresentará convosco.

(Efésios 1:16) - Não cesso de dar graças a Deus por vós, lembrando-me de vós nas minhas orações:
(Efésios 1:17) - Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação;

Vemos com isto que nos dois textos o senhor determina sobre o espírito de vida um conhecimento e uma sabedoria, cabendo a nós mesmos uma decisão de vida.





Capitulo três.


(Colossenses 1:9) - Por esta razão, nós também, desde o dia em que o ouvimos, não cessamos de orar por vós, e de pedir que sejais cheios do conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e inteligência espiritual;
(Colossenses 1:10) - Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa obra, e crescendo no conhecimento de Deus;

O Senhor quer que frutifiquemos em abundancia e com isto sejamos dependentes totalmente do Espírito santo de DEUS e consigamos quantidade e qualidade de frutos espirituais.


1—LEITURA DE JOÃO 15:1 ao 5
A) Os ramos que não produzem frutos serão cortados e porque não dizer arrancados como fala em algumas versões.

Fala-se de ramos que devem ter relação direta com suas arvores, com isto Deus quer falar de uma relação de intimidade entre ele (Jesus) e seu povo (você).

Fala-se no versículo dois do capitulo 15 que toda arvore que não pruduzir fruto esta será arrancada e lançada fora.

Se uma arvore quando plantada não desenvolve a sua maior atividade que é produzir e assim não o faz esta arvore devera ser cortada e lançada fora ate mesmo para que não possam levar outras arvores a serem contaminadas.

O propósito de todo ramo é frutificar, vemos claramente que as arvores quando plantadas teem uma função seja de dar sombra ou de dar fruto a sua função existe e deve ser cativada. Caso isto não seja visto vemos que seu valor é zero.

(Romanos 11:21) - Porque, se Deus não poupou os ramos naturais, teme que não te poupe a ti também.
(Romanos 11:22) - Considera, pois, a bondade e a severidade de Deus: para com os que caíram, severidade; mas para contigo, benignidade, se permaneceres na sua benignidade; de outra maneira também tu serás cortado.

LER Isaias 5:1 ao 7.

B) Os ramos que não ficam na arvore são lançados no fogo.

Galhos arrancados e cortados começam a secar e perder seiva e consequentemente vem à morte.

Existe uma forma de não ficar morto, através da salvação, em Jesus Cristo.

Jesus é a videira e nos poderemos ser os seus frutos.

Estar em Jesus é se comprometer e transformar-se em sua imagem mediante a ação do Espírito santo.


C) Ramos que dão frutos são podados.


O desejo do lavrador que todos os ramos que dão fruto sejam irrigados por uma seiva e que esta seiva faça com que os ramos permaneça frutificando e fortes.

Podas são indispensáveis nas arvores, afinal faz com que a seiva não se desvie para aqueles galhos que não estão produzindo.

Ação do Espírito Santo:

“Limpa toda a arvore que dar fruto”

(II Tessalonicenses 2:13) - Mas devemos sempre dar graças a Deus por vós, irmãos amados do SENHOR, por vos ter Deus elegido desde o princípio para a salvação, em santificação do Espírito, e fé da verdade;

Esta é a forma pela qual o crente passa a ficar parecido com “CRISTO JESUS”.

2—CONDIÇÕES PARA FRUTIFICAÇÃO ESPIRITUAL.

Existem três condições para se frutificar espiritualmente e ter uma abundante colheita:

A) A poda feita pelo PAI:

* O EspiritoSanto nos convence de áreas em nossas vidas que precisamos progredir em santificação.

(I Tessalonicenses 5:23) - E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso SENHOR Jesus Cristo.

Hebreus12: 10 ao 14.

II corintios 7:1.

B) Permanência em Cristo Jesus
.
A verdadeira ligação em Cristo é que determina a sua condição de arvore frutífera sem a qual será impossível vermos frutos de verdade.

(João 15:4) - Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.

(Efésios 2:6) - E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;


C) A permanência de Cristo em nós.

Vemos isto em nossas atitudes.

Vemos isto em nosso viver.

Vemos isto no nosso testemunho de vida.


3) FATORES INDISPENSAVEIS PARA UMA COLHEITA ABUNDANTE.


A) Cultivar a comunhão com Deus.

(I Corintios 1:9) - Fiel é Deus, pelo qual fostes chamados para a comunhão de seu Filho Jesus Cristo nosso Senhor.

(Deuteronômio 28:11) - E o SENHOR te porá por cabeça, e não por cauda; e só estarás em cima, e não debaixo, se obedeceres aos mandamentos do SENHOR teu Deus, que hoje te ordeno, para os guardar e cumprir.
(Deuteronômio 28:12) - E não te desviarás de todas as palavras que hoje te ordeno, nem para a direita nem para a esquerda, andando após outros deuses, para os servires.


B) Cultivar a comunhão com os outros cristões.


Ter vida de comunhão com as pessoas que lhe rodeiam, independente de serem crentes ou não.

(I João 1:7) - Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado.



C) Aceite o ministério de lideres piedosos.

Deus usa os seus servos /lideres para nutrir o seu povo.

(Êxodo 3:14) - E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós.
(Êxodo 3:15) - E Deus disse mais a Moisés: Assim dirás aos filhos de Israel: O SENHOR Deus de vossos pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó, me enviou a vós; este é meu nome eternamente, e este é meu memorial de geração em geração.

(Efésios 4:11) - E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores,

Tudo isto edificando a estatura do conhecimento do homem para sua caminhada e seu amadurecimento.

(I Corintios 3:5) - Pois, quem é Paulo, e quem é Apolo, senão ministros pelos quais crestes, e conforme o que o SENHOR deu a cada um?
(I Corintios 3:6) - Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento.
(I Corintios 3:7) - Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento.

Paulo fala de cada qual com seu ministério e que todos são ordenados por Deus para a boa obra. Somos levados a lugares mais férteis se assim cumprirmos os ensinamentos bíblicos.

D) Exercitando a vigilância.

Temos que ter muito cuidado com tudo que possa ameaçar o nosso desenvolvimento tais quais: hábitos, atitudes e associações erradas.

Pensamentos destrutivos

E envolvimento com a vida secular sufocando a vida com Deus.



“O fruto dó Espírito é composto de diversas virtudes e é único, na pode ser separados, porque ele (o fruto) é um produto final.”